7 pickups americanas que seriam bem vindas ao Brasil

3
38020

As recentes chegadas ao mercado nacional das pickups americanas Ford F-150 e Chevrolet Silverado deixaram um gostinho de quero mais, pois ainda existem muitas caminhonetes vendidas no norte do Continente que seriam muito bem-vindas ao Brasil.

Toyota Tundra / Foto: CarGurus
Toyota Tundra / Foto: CarGurus

Neste artigo, vamos apresentar 7 pickups americanas que ainda não foram lançadas por aqui e com certeza seriam muito bem-vindas. Conheça um pouco da história desses modelos e maravilhe-se com essas brutas que despertam desejo e charme por onde passam.

GMC Sierra

GMC Sierra / Foto: Planet Cars
GMC Sierra / Foto: Planet Cars

O GMC Sierra tem uma longa e distinta história nos Estados Unidos, remontando ao seu lançamento original em 1962. Inicialmente introduzido como uma variante de nível superior da Chevrolet C/K, o Sierra rapidamente se destacou pela sua combinação de desempenho robusto e conforto premium. Ao longo dos anos, o Sierra evoluiu através de várias gerações, incorporando inovações tecnológicas e design refinado para atender às demandas dos consumidores americanos no segmento de caminhonetes.

A partir dos anos 2000, a GMC Sierra solidificou sua posição no mercado de picapes, competindo de perto com modelos populares como a Chevrolet Silverado, uma vez que ambas as marcas fazem parte da General Motors. O Sierra ganhou destaque por sua versatilidade, capacidade de reboque e opções de acabamento de luxo, atraindo uma base diversificada de consumidores, desde trabalhadores da construção até aqueles que procuram um veículo de transporte diário confiável com toques de sofisticação.

Toyota Tundra

Toyota Tundra / Foto: CarGurus
Toyota Tundra / Foto: CarGurus

A Toyota Tundra, uma picape de porte grande, entrou no mercado dos Estados Unidos em 1999 como um esforço da Toyota para competir no segmento de caminhonetes dominado por fabricantes americanos. A primeira geração da Tundra foi bem recebida por sua confiabilidade e desempenho, embora tenha enfrentado algum ceticismo inicial devido à tradição americana em caminhonetes. No entanto, ao longo dos anos, a Tundra ganhou reconhecimento por sua durabilidade e capacidade de reboque, conquistando gradualmente seu espaço no mercado.

A Tundra passou por várias atualizações ao longo das gerações, buscando atender às demandas dos consumidores americanos e competir com modelos estabelecidos no segmento, como a Ford F-150, a Chevrolet Silverado e a Ram 1500. A Toyota incorporou tecnologias avançadas, melhorias de desempenho e design inovador para manter a Tundra relevante no competitivo mercado de picapes nos Estados Unidos. A popularidade contínua da Tundra destaca o sucesso da Toyota ao estabelecer uma presença sólida no segmento de caminhonetes no país.

Nissan Titan

Nissan Titan / Foto: Planet Cars
Nissan Titan / Foto: Planet Cars

A Nissan Titan é uma picape full-size que a Nissan lançou nos Estados Unidos em 2003, representando a incursão da empresa no segmento de picapes grandes e competindo diretamente com modelos americanos estabelecidos. A primeira geração da Titan, produzida até 2015, apresentou um design robusto e opções de motores V8, buscando atender às necessidades dos consumidores norte-americanos que valorizam o desempenho e a capacidade de carga.

Em 2016, a Nissan lançou a segunda geração da Titan, buscando expandir sua presença no mercado de picapes nos Estados Unidos. Essa versão incluía não apenas a Titan padrão, mas também a Titan XD, posicionada entre as picapes light-duty e heavy-duty. A Titan 2016 trouxe atualizações significativas em termos de design, tecnologia e opções de motorização, visando oferecer uma alternativa competitiva aos consumidores que procuravam uma picape full-size confiável e versátil.

Hyundai Santa Cruz

Hyundai Santa Cruz / Foto: CarGurus
Hyundai Santa Cruz / Foto: CarGurus

A Hyundai Santa Cruz representou a entrada da Hyundai no segmento de caminhonetes nos Estados Unidos. Inicialmente, a história da Santa Cruz começou como um conceito apresentado em 2015 no Salão Internacional do Automóvel da América do Norte. A recepção positiva do conceito levou a Hyundai a decidir pela produção da pickup, e ela foi oficialmente lançada no mercado dos EUA em 2021.

A Santa Cruz é única em seu segmento, feita para atender os que procuram o conforto de um SUV com a funcionalidade de uma pickup. Além disso, com um design moderno e características inovadoras, a Santa Cruz se destaca no mercado de caminhonetes compactas. Sua entrada no cenário americano representa a resposta da Hyundai à crescente demanda por veículos utilitários esportivos e caminhonetes.

Honda Ridgeline

Foto: Planet Cars
Foto: Planet Cars

Lançada no mercado americano em 2005, a Honda Ridgeline marcou a entrada da Honda no competitivo mercado de picapes médias. Além disso, a primeira geração, que perdurou até 2014, destacou-se por seu design monobloco inovador, o qual contrastava com as tradicionais picapes de chassi separado. A Ridgeline conquistou os consumidores americanos com características distintivas, incluindo o “In-Bed Trunk” (compartimento de carga sob o assoalho da caçamba) e a “Dual-Action Tailgate” (porta traseira de dupla ação), oferecendo uma abordagem mais prática e versátil para as necessidades diárias.

A Honda Ridgeline lançou sua segunda geração em 2016, consolidando sua presença no mercado norte-americano. Esta versão manteve as inovações da primeira geração, mas adotou um visual mais convencional de picape. Ela continuou a oferecer o conforto de um veículo utilitário esportivo (SUV) com características exclusivas, como o “In-Bed Trunk” e a “Dual-Action Tailgate”. Ao longo dos anos, a Ridgeline tem conquistado reconhecimento por sua dirigibilidade, atraindo consumidores que buscam uma abordagem única no segmento.

Chevrolet Colorado

Chevrolet Colorado / Foto: Petemoore Chevrolet
Chevrolet Colorado / Foto: Petemoore Chevrolet

Lançada em 2004 como modelo para o ano de 2005, a Chevrolet Colorado é considerada como prima da nossa Chevrolet S10. Ela inclusive substituiu a antiga Chevrolet S-10 nos Estados Unidos. A picape se projetou para oferecer uma opção mais moderna e eficiente em termos de combustível em comparação com as picapes compactas anteriores da Chevrolet.

A Colorado inicial oferecia várias configurações, incluindo cabine regular, estendida e dupla, bem como uma variedade de opções de motores e transmissões. A picape era conhecida por seu design contemporâneo, características de segurança e opções de conforto.

Ao longo dos anos, a Chevrolet Colorado passou por várias atualizações e revisões. Em 2012, a General Motors fez uma pausa na produção da Colorado nos Estados Unidos, mas continuou a fabricá-la para outros mercados ao redor do mundo. Em 2015, a Chevrolet reintroduziu a Colorado no mercado americano como modelo para o ano de 2015, trazendo um design atualizado e tecnologia aprimorada.

A Chevrolet Colorado solidificou a posição da picape no mercado de veículos médios com o lançamento de sua segunda geração em 2015. No entanto, em 2023, a terceira geração da Colorado foi lançada no mercado americano. A pickup, que recebeu muitos elogios com sua nova geração, deverá servir de inspiração para a nova S10 nacional.

Jeep Gladiator

Jeep Gladiator / Foto: Planet Cars
Jeep Gladiator / Foto: Planet Cars

O Jeep Gladiator tem uma rica história nos Estados Unidos, remontando ao seu lançamento inicial em 1962. Ao longo das décadas, o Gladiator passou por várias atualizações e gerações para atender às demandas em constante evolução dos consumidores americanos.

No entanto, o Gladiator foi descontinuado em 1988, encerrando temporariamente sua trajetória nos Estados Unidos. Em 2019, a Jeep reviveu o nome Gladiator com o lançamento de uma nova geração, incorporando elementos modernos de design e tecnologia, mas mantendo a essência off-road que é característica da marca. O Jeep Gladiator foi muito bem aceito e recebido com entusiasmo.

Conclusão

Foto: Petemoore Chevrolet
Foto: Petemoore Chevrolet

Com a chegada das pickups americanas Ford F-150 e Chevrolet Silverado ao nosso mercado, ficou um gostinho de quero mais. Além disso, caminhonetes como GMC Sierra, Toyota Tundra, Nissan Titan, Honda Ridgeline, Chevrolet Colorado, Hyundai Santa Cruz e Jeep Gladiator se encaixariam perfeitamente em nossas estradas, ampliando as opções para os consumidores em busca de versatilidade.

3 COMENTÁRIOS

  1. O consumidor brasileiro é rotulado pelas montadoras como “povo de terceira”, e por isso trazem produtos categoria “C” (A e B) eles importam para países desenvolvidos, não para uns “lacucarachas” como nós. Esta é a verdade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui