Jetta 2.5: Após 15 Anos, Ainda Praticamente Zero Km

0
326

Você já imaginou se deparar com um Volkswagen Jetta 2.5 ano 2009 praticamente 0km nos dias atuais? Foi isso que aconteceu há pouco tempo. O caçador de raridades Reginaldo de Campinas encontrou um incrível exemplar a gasolina, com 4 portas e câmbio automático na cor prata com incríveis 5 mil quilômetros rodados.

VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas
VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas

É uma quilometragem tão baixa que podemos tratá-lo como um autêntico carro 0km. Todos os acessórios e itens originais de fábrica seguem no carro, sendo uma verdadeira cápsula do tempo, como se tivesse acabado de sair da linha de montagem.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

O VW Jetta no Brasil

Desde 1999, a Volkswagen comercializa o sedã médio no Brasil. Durante quase todo esse período, o modelo foi importado do México. A 4ª geração do modelo foi a primeira a chegar, sendo chamada de Volkswagen Bora. O modelo, em versão única de acabamento, era equipado com o mesmo motor a gasolina do Golf brasileiro, o EA 113 2.0, que mais tarde, em 2002, passou a equipar também o Polo e o Polo Sedan. O modelo podia vir com câmbio manual de 5 marchas ou automático Tiptronic de 4 marchas.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

Em 2005, chegou a 5ª geração já com o nome de Jetta. O modelo chegou também em versão única, equipada com motor 2.5 de 5 cilindros e 20 válvulas. Entretanto, a versão entusiasmou a VW neste mercado, que na época tinha o Passat e o Santana no segmento dos sedãs de grande porte.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

Os dois modelos coexistiram até 2011, quando foram sucedidos pela 6ª geração que manteve o nome da predecessora imediata. Atualmente o carro é vendido em 2024 na versão GLi com motor 350 TSI de 231 cv.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

A Joia

Exemplares bem preservados como o encontrado por Reginaldo de Campinas engradecem ainda mais a história desse carro que possui no Brasil uma reputação inquestionável. A descoberta desse Jetta 2.5 com apenas 5 mil quilômetros rodados é um verdadeiro tesouro para os entusiastas de carros e colecionadores.

VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas
VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas

Este veículo não é apenas um meio de transporte, mas uma peça histórica que nos transporta de volta ao ano de 2009, permitindo reviver a experiência de um carro novo daquela época.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

Especificações

O Volkswagen Jetta 2.5 de 2009 apresenta um desempenho notável, com uma aceleração de 0 a 100 km/h em 8,9 segundos e uma velocidade máxima de 205 km/h. Equipado com um motor de cinco cilindros em linha, este modelo possui uma cilindrada de 2480 cm³ e um sistema de injeção multiponto. A aspiração natural e a variação do comando de admissão contribuem para a potência máxima de 170 cv a 5000 rpm e um torque máximo de 24,5 kgfm a 4250 rpm. Além disso, seu design aerodinâmico e características de conforto fazem do Jetta 2.5 uma escolha atraente para os entusiastas de carros.

Foto: Reginaldo de Campinas
Foto: Reginaldo de Campinas

A transmissão automática com conversor de torque e seis marchas (código Aisin TF-60SN) proporciona uma condução suave, enquanto a tração dianteira garante estabilidade e controle. Dessa forma, em termos de dimensões, o Jetta 2.5 mede 4554 mm de comprimento, 1781 mm de largura e 1461 mm de altura, com uma distância entre-eixos de 2578 mm.

VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas
VW Jetta 2009 / Foto: Reginaldo de Campinas

Em termos de consumo, o Jetta 2.5 registra 9,8 km/l em rodovias e 8,4 km/l em áreas urbanas, com uma autonomia de 539 km em rodovias e 462 km em áreas urbanas. Assim, estes números destacam a eficiência e a praticidade do Volkswagen Jetta 2.5 de 2009 para diferentes tipos de uso.

Conclusão

Encontrar um Volkswagen Jetta 2.5 de 2009 praticamente zero km é um acontecimento raro e emocionante para os amantes de carros. A história desse modelo, desde sua introdução no mercado brasileiro até os dias atuais, reforça sua importância e valor. Com o Jetta, a Volkswagen conseguiu criar um sedã que não apenas competiu, mas também conquistou seu espaço. E agora, com este exemplar encontrado por Reginaldo de Campinas, temos a oportunidade de apreciar ainda mais a durabilidade e o design atemporal deste veículo incrível.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui