Chevrolet Monza 1986: Um Tesouro em Estado Original

0
3331

Lançado no Brasil em março de 1982, o Chevrolet Monza rapidamente se tornou um dos carros mais queridos e icônicos dos anos 80 e 90. Sua combinação de design elegante, desempenho confiável e conforto fez dele uma escolha popular entre os brasileiros. Entretanto, ao longo das décadas, o Monza construiu uma reputação impecável e continua a ser adorado até os dias atuais.

Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades
Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades

Uma Raridade Preservada

Recentemente, o caçador de relíquias automotivas, Julio Raridades, apresentou a seus seguidores um magnífico exemplar do Chevrolet Monza SL/E 1.8 1986 praticamente em estado original.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

Este veículo é uma verdadeira cápsula do tempo, proporcionando um vislumbre autêntico de como era dirigir um dos carros mais populares de sua época. Sem dúvida, essa descoberta reforça a importância de preservar a história automotiva para as gerações futuras.

Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades
Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades

Detalhes Incríveis de Conservação

O Monza, na cor Dourado Minas Metálico, passou 35 dos seus 38 anos com um único dono. Incrivelmente bem preservado, o carro ainda mantém a pintura original de fábrica, um interior monocromático na cor Tabaco, e até mesmo o estepe de fábrica nunca foi usado.

Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades
Chevrolet Monza 1986 / Foto: Julio Raridades

Portanto, o veículo possui um rádio Bosch San Francisco de época com antena elétrica ainda em funcionamento, elementos que acrescentam ainda mais valor histórico e sentimental a este exemplar.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

Um Tesouro para Colecionadores

A preservação deste Chevrolet Monza 1986 em estado quase original é uma raridade que merece ser celebrada. Veículos como este são testemunhos vivos da história automotiva e trazem consigo uma nostalgia palpável.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

Para os entusiastas e colecionadores, encontrar um carro tão bem conservado é um verdadeiro tesouro. Porém, não há dúvidas de que hoje este Monza repousa na garagem de um colecionador muito feliz. Ademais, a presença de peças originais e o cuidado meticuloso evidenciam seu valor histórico indiscutível.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

Especificações

O desempenho do Chevrolet Monza 1986 é interessante, com uma aceleração de 0 a 100 km/h em 13,1 segundos e uma velocidade máxima de 157 km/h.

O motor possui características interessantes, como acionamento do comando por correia dentada e alimentação por carburador, com aspiração natural. Com uma cilindrada de 1796 cm³, este motor de 4 cilindros em linha, código GM Família II, conta com comando de válvulas único no cabeçote.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

O curso do pistão é de 79,5 mm e o diâmetro do cilindro é de 84,8 mm, com disposição transversal e instalação dianteira. A relação peso/potência é de 11,3 kg/cv, enquanto a peso/torque é de 71,2 kg/kgfm. A potência específica é de 52,9 cv/litro, alcançando uma potência máxima de 95 cv a 5600 rpm. A transmissão é manual, com 5 marchas e tração dianteira, utilizando uma embreagem monodisco a seco.

Em termos de dimensões, o veículo tem 1358 mm de altura, 4366 mm de comprimento, 1668 mm de largura e uma distância entre-eixos de 2574 mm. A bitola dianteira e traseira é de 1406 mm, com um vão livre do solo de 148 mm. O peso total é de 1075 kg, com uma carga útil de 460 kg. Dessa forma, o porta-malas tem capacidade para 510 litros e o tanque de combustível comporta 61 litros.

Foto: Julio Raridades
Foto: Julio Raridades

Os pneus são 185/70 R13 tanto na dianteira quanto na traseira, incluindo o estepe, com uma altura do flanco de 130 mm. Assim, em relação à autonomia, este veículo pode percorrer até 671 km em rodovias e 451 km em áreas urbanas, com um consumo de 11 km/l em rodovias e 7,4 km/l em áreas urbanas.

Conclusão

O Chevrolet Monza 1986 SL/E 1.8 é mais do que apenas um carro antigo; é uma peça valiosa da história automotiva brasileira. Sua preservação em estado original é um testemunho da dedicação de seu antigo proprietário e da importância de cuidar de nossos patrimônios automotivos. Exemplares como este nos lembram do encanto dos carros clássicos e da alegria que eles ainda podem proporcionar aos apaixonados por automóveis. Além disso, a integridade deste Monza é uma inspiração para futuras gerações de colecionadores e entusiastas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui