Brasil Pickups: As 8 Mais Queridas dos últimos 50 anos

1
34256

No Brasil, as pickups não são apenas veículos; são verdadeiros ícones que conquistaram o coração do país e se tornaram uma parte intrínseca da nossa rica cultura automotiva. Ao longo dos últimos 50 anos, esses robustos automóveis desempenharam um papel fundamental, transportando não apenas pessoas, mas também riqueza, desbravando as desafiadoras estradas repletas de obstáculos.

O Desafio de Escolher as Oito Pickups Mais Queridas do Brasil

Chevrolet D-20 / Foto: Julio Raridades
Chevrolet D-20 / Foto: Julio Raridades

A tarefa de selecionar as oito pickups nacionais mais queridas das últimas cinco décadas revela-se complexa, dada a imponência do mercado automotivo brasileiro, um dos mais vibrantes do mundo. Nesse meio século, dezenas de caminhonetes marcaram presença em nossas estradas, cada uma com sua importância relativa na história automotiva do país.

A popularidade de uma pickup está intrinsecamente ligada ao seu status de queridinha entre os brasileiros. Conscientes disso, empreendemos a criação do “Ranking Planet Cars” de pickups nacionais amadas, uma compilação que destaca aquelas verdadeiramente notáveis, ainda desejadas em território nacional.

Ford F-75

Ford F-75 / Foto: Alecar Multimarcas
Ford F-75 / Foto: Alecar Multimarcas

A Ford F-75, lançada em 1964, é uma pickup que se tornou um ícone do cenário automotivo brasileiro ao longo das décadas. Ademais, reconhecida por sua robustez e versatilidade, a F-75 foi popular entre fazendeiros, trabalhadores rurais e entusiastas off-road. Descontinuada em 1983, seu legado persiste como uma representação marcante da era em que a confiabilidade e a resistência eram características fundamentais em veículos utilitários, deixando um impacto duradouro na história automotiva do Brasil.

Chevrolet C-10

Chevrolet C-10 / Foto: Triunfo Automóveis
Chevrolet C-10 / Foto: Triunfo Automóveis

Lançada no Brasil nos anos 60, a Chevrolet C10 rapidamente se tornou um símbolo de robustez e versatilidade. Além disso, ela desempenhou um papel crucial no cenário automotivo brasileiro até a década de 80. Utilizada por agricultores, empresários e trabalhadores, a caminhonete se destacava pela sua força e durabilidade, sendo uma presença marcante nas estradas e cidades do país.

Chevrolet D-20

Chevrolet D-20 / Foto: Reginaldo de Campinas
Chevrolet D-20 / Foto: Reginaldo de Campinas

Lançada em 1985, a Chevrolet D-20, parte da Série 20, introduziu um design renovado e imponente. Em um mercado de utilitários intensamente disputado com a Ford, que oferecia a série “F”, contudo a D20 surgiu como uma resposta dinâmica, superando os sinais de cansaço apresentados pela Série 10. Reconhecida por sua robustez e versatilidade, a D20 se destacou como uma opção preferida, solidificando seu lugar na história automotiva do Brasil até sua descontinuação em 1996.

Ford F-1000

Ford F-1000 / Foto: Julio Raridades
Ford F-1000 / Foto: Julio Raridades

A história da Ford F-1000 no Brasil remonta a 1979, quando a produção da caminhonete teve início. Equipada com um motor 3.9 diesel da MWM, com 86.4 cv, a F-1000 era uma evolução da Ford F-100, compartilhando o mesmo chassi e carroceria, com algumas modificações notáveis, como uma capacidade de carga expandida para 1.000 kg e freios dianteiros a disco servo-assistidos de série. Entretanto, seu painel de instrumentos diferia da F-100, adotando mostradores redondos.

A F-1000 marcou presença no mercado brasileiro como uma caminhonete pesada (“Full Size”) por 19 anos, encerrando sua produção em 1998. Ao longo desse período, destacou-se pela robustez, versatilidade e confiabilidade, atendendo às demandas de consumidores que buscavam um veículo utilitário capaz de enfrentar diversos desafios.

Ford Pampa

Ford Pampa / Foto: Julio Raridades
Ford Pampa / Foto: Julio Raridades

A Ford Pampa, picape de pequeno porte produzida pela Ford do Brasil de 1982 a 1997, destacou-se como uma opção versátil no mercado automotivo brasileiro. Disponível em diversas versões, incluindo cabine dupla, tração 4×4, Ghia, S, GL e L, a Pampa foi notável por ser a única picape pequena no Brasil a oferecer tração nas quatro rodas, adicionando uma característica única à sua proposta. Com sua trajetória marcante na categoria de picapes compactas, a Pampa contribuiu significativamente para a diversificação desse segmento. Seu legado é marcado não apenas pela singularidade técnica, mas também pela versatilidade.

Toyota Hilux

Toyota Hilux / Foto: Planet Cars
Toyota Hilux / Foto: Planet Cars

A Toyota Hilux desembarcou no Brasil em 1992, inicialmente importada do Japão durante a quinta geração. A produção em 1997, passou para a Argentina. Em 2005, a sétima geração da Hilux chegou ao país, trazendo inovações significativas em termos de visual, motorização e equipamentos. Desde então, a Hilux consolidou sua posição como uma das picapes médias mais dominantes no mercado brasileiro, destacando-se pela durabilidade, desempenho e constantes aprimoramentos.

Volkswagen Saveiro

Volkswagen Saveiro / Foto: VW
Volkswagen Saveiro / Foto: VW

Lançada em 1982, a Volkswagen Saveiro é uma picape compacta que surgiu para atender às demandas do mercado brasileiro. Com base na plataforma do Volkswagen Gol, a Saveiro evoluiu ao longo das décadas, adaptando-se às mudanças nas preferências dos consumidores e, assim, destacando-se pela sua versatilidade, agilidade urbana e capacidade de carga. Ademais, a picape, que também ganhou destaque em versões esportivas, tornou-se uma presença duradoura e confiável no cenário automotivo brasileiro.

Fiat Strada

Fiat Strada / Foto: Fiat
Fiat Strada / Foto: Fiat

Lançada em 1998, a Fiat Strada marcou presença como uma inovadora picape compacta no mercado brasileiro. Reconhecida por sua versatilidade, especialmente com a introdução da cabine estendida, a Strada evoluiu ao longo dos anos, mantendo-se alinhada às preferências dos consumidores. Com um design prático e dimensões compactas, a Strada tornou-se uma escolha popular para o transporte urbano e de carga leve. Em uma renovação significativa em 2020, a Strada consolidou ainda mais sua posição, tornando-se a pickup mais vendida do Brasil na atualidade. Essa impressionante continuidade de sucesso destaca a capacidade da Strada de se adaptar às demandas em constante evolução do mercado.

Outras Pickups Notáveis

Embora existam inúmeras pickups dignas de reconhecimento, a limitação de oito modelos em nosso ranking nos impede de incluir algumas das mais notáveis, como Chevrolet S10, Mitsubishi L200, VW Amarok, Nissan Frontier e Ford Ranger. Entretanto, essas não foram esquecidas; elas permanecem na fila para a próxima seleção, prontas para brilhar entre as melhores.

Conclusão

Em conclusão, as pickups brasileiras não são apenas veículos utilitários; são símbolos de durabilidade, desempenho e beleza que moldaram o cenário automotivo nacional ao longo de décadas. Ao explorar as oito pickups mais queridas, prestamos uma homenagem a esses ícones que fizeram e ainda fazem história, alimentando a paixão dos brasileiros por essas máquinas. No entanto, é importante destacar que o “Ranking Planet Cars” reflete apenas a opinião individual do site. Sinta-se à vontade para lembrar o nome de alguma outra pickup que merecia fazer parte da lista.

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui